Afinal nem todos os iPad ou MacBook podem ser usados para correr o Sidecar da Apple

Uma das grandes novidades dos recentes sistemas operativos da Apple é o Sidecar. Este permite usar um iPad como um segundo monitor, alargando assim a área de trabalho e a área útil. Esperava-se que esta fosse uma funcionalidade simples de implementar e alargada a muitos equipamentos. A verdade é que esta funcionalidade está limitada e apenas alguns equipamentos a podem usar.

Conheça quais os iPad e MacBook podem usar o Sidecar da Apple.

Sidecar iPad MacBook Apple monitor

O Sidecar traz um segundo monitor para o macOS

A Apple descreve o Sidecar como sendo uma ajuda importante para os utilizadores. Com esta funcionalidade é possível aumentar o espaço de trabalho utilizando o iPad como segundo ecrã de um MacBook ou de um Mac.

Permite ao utilizador trabalhar numa qualquer app no MacBook enquanto consulta informação ou ver dados no ecrã do iPad. A sua utilidade é tal que permite ainda ver o mesmo ecrã nos dois equipamentos, a fim de partilhar com outros aquilo que vê.

Sidecar iPad MacBook Apple monitor

Não é qualquer iPad que pode ter esta funcionalidade

Esperava-se que o Sidecar fosse alargado a muitos equipamentos, garantindo uma utilização alargada. Na verdade, isso não acontece e a lista de iPad abaixo está impossibilitada de o usar, apesar de poderem ter o iPadOS 13.

  • iPad Air 2;
  • iPad mini 4;
  • iPad (5ª geração)

Assim, a lista de equipamentos que podem usar o Sidecar é conhecida. Estes iPad devem ter o iPadOS 13 instalado e mesmo sem o Apple Pencil podem ser usados:

  • iPad (6ª geração);
  • iPad (7ª geração);
  • iPad mini 5;
  • iPad Air (3ª geração);
  • iPad Pro (todos).

Sidecar iPad MacBook Apple monitor

Também os MacBook estão controlados pela Apple

Já do lado dos Mac e MacBook, a lista igualmente não é grande. Está restrita a equipamentos posteriores a 2016, havendo, no entanto, limitações em máquinas desses anos:

  • MacBook Pro (2016 ou mais recente);
  • MacBook Air (2018 ou mais recente);
  • MacBook (2016 ou mais recente);
  • iMac (com ou sem Retina, 4K e 5K de 2015 ou mais recente);
  • iMac Pro (2017);
  • Mac Mini (2018);
  • Mac Pro (2019).

Não se sabe ao certo qual a limitação que levou a Apple a restringir o acesso a estes equipamentos. Decerto está associado ao hardware presente e ao que este pode oferecer.

Fonte: pplware

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.