Porque falhou a Apple nas baterias dos novos MacBook Pro

MacBook ProMuito se tem escrito sobre as virtudes e os defeitos dos novos MacBook Pro. O problema que mais utilizadores reportam é a falta de duração das baterias, que está bem longe de cumprir aquilo que a Apple declara para estes equipamentos. Não havia uma razão para esta situação, mas segundo informações agora reveladas, o problema não estará no hardware, mas sim na filosofia e nas decisões que a Apple tomou para os seus novos computadores. Revelados no passado mês de Outubro, os novos MacBook Pro prometiam revitalizar uma área que a Apple há já alguns anos vinha a negligenciar.

Com decisões complicadas, como a da opção unicamente por portas USB Tipo-C, estes computadores portáteis seriam o início de uma nova era na empresa.

Mas a verdade é que os utilizadores dos novos MacBook Pro estão desiludidos e a queixa mais vezes ouvida é a da falta de duração das baterias. Este problema, que muitos julgavam ser simples de resolver, pode não ter solução.

A causa dos problemas de bateria dos MacBook Pro

A causa agora apontada para este problema está nas baterias que a Apple optou por usar e a sua tecnologia. A decisão inicial seria de usar uma nova tecnologia que iria permitir uma maior duração e baterias de menores dimensões, mas os testes que foram realizados acabaram por não ser satisfatórios, tendo a Apple optado por usar a mesma tecnologia. E é aqui que surge o problema pois o espaço reservado para as baterias é menor, o que com a utilização da actual tecnologia, acaba por dar uma menor duração.

MacBook Pro baterias

A decisão da Apple e os problemas causados

Tendo as novas baterias falhado neste teste decisivo, restavam apenas duas possibilidades à Apple. Ou atrasava o lançamento dos novos MacBook Pro, continuando a desenvolver as baterias, ou continuava os seus planos de design mais antigos e aproveitava o final do ano para conseguir números de vendas elevados. A decisão tomada acabou por recair no lançamento, ajudando também a dissipar a ideia de que os MacBook Pro estariam abandonados.

Esta escolha levou a que fosse necessário realocar várias equipas de engenheiros da empresa, para conseguirem ter os MacBook Pro prontos a tempo de serem lançados, o que acabou por também levar a atrasos nos desenvolvimentos dos novos iMac, que se esperam surjam no início de 2017.

A duração de bateria dos MacBook Pro é, segundo a Apple, de 10 horas, mas muitos utilizadores estão a queixar-se que a realidade é bem diferente e os tempos são muito menores. Curiosamente, com a actualização 10.2.2 do macOS, muitos utilizadores reportaram melhorias neste campo, mesmo com a Apple a afirmar que nada foi feito neste campo.

Bloomberg

Fonte: pplware

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.