Homem quer casar com MacBook carregado de pornografia

 No estado da Flórida, um homem alega representar algumas minorias sexuais e exige casar-se com o seu computador MacBook carregado de pornografia. Chris Sevier interviu num processo judicial que está a decorrer na Flórida, sobre o reconhecimento de casamentos homossexuais celebrados noutros estados. Sevier insiste representar outras minorias sexuais que querem ter os mesmos direitos e casar-se com o «objeto sexual que desejem, ainda que faltem as correspondentes partes sexuais», lê-se na Cnet. A preferência e o desejo de Sevier recaem sobre o seu próprio MacBook, recheado de pornografia. Segundo o próprio Sevier, «ao longo do tempo, passem a preferir sexo com o meu computador em vez de sexo com mulheres reais

Continuar a ler

Macbooks Air de 2014 demonstram velocidades de armazenamento menores que os modelos de 2013

Macbooks Air de 2014 demonstram velocidades de armazenamento menores que os modelos de 2013

Os recentemente lançados Macbooks Air possuem melhorias no performance do processador graças aos chips actualizados Haswell, mas a performance da capacidade de armazenamento parece ter reduzido. Numa série de testes de performance realizados pela MacWorld,  os testes efectuados aos discos de armazenamento sugerem que os novos Macbooks Air estão a trabalhar relativamente mais lentos do que os modelos de 2013. A comparação, que inclui um Macbook Air de 2013 de 11 polegadas com um disco SSD de 256 GB e um Macbook Air de 2013 de 13 polegadas com um disco SSD de 128 GB vs um modelo de 2014 de 11 polegadas com um disco SSD de 128 GB e um modelo de 13 polegadas com um disco SSD de 256 GB.

Continuar a ler

Nova falha de segurança no iOS permite fazer chamadas mesmo com o ecrã bloqueado

 É mais uma vulnerabilidade encontrada no sistema operativo móvel da Apple, desta vez relacionada com a realização de chamadas e envio de mensagens através do assistente de voz Siri. Isto sem sequer ser preciso desbloquear o equipamento. A falha foi revelada por Sherif Hashim, um neurocirurgião egípcio, segundo a imprensa internacional, e está presente na versão mais recente do iOS, a 7.1.1.  O método de acesso é simples, bastando dar ordens como “ligar”, “mensagem” ou “email” ao assistente de voz Siri.  Para provar a sua descoberta, o responsável publicou um vídeo no YouTube em que demonstra o processo.

Continuar a ler